Notícias Notícias

O nascimento de Vênus

Obra futurística no litoral chinês usa alumínio para garantir a segurança de sua estrutura e a modernidade do visual

06/03/2017
A+ A-

Foi pensando em uma obra de arte de Sandro Botticelli, datada do século 15, que o arquiteto chinês Chen Keshi desenvolveu a Zhuhai Opera House, casa de show com toque de modernidade digna do espaço, localizada na costa chinesa. “O nascimento de Vênus”, que atualmente está exposta em Florença, na Itália, está nos detalhes da construção de Keshi.

A Opera House foi inaugurada apenas no final de 2016, mas é fruto de um trabalho de oito anos, que começou com o vislumbre do criador que, ao observar o mar, conseguiu imaginar a cena da deusa romana emergindo das águas. Para chegar à forma que existe hoje, o arquiteto pesquisou uma espécie de concha, chamada de Amusium pleuronectes, encontrada no litoral sul da China. E assim começava a nascer o projeto.

A princípio, o exterior da obra seria feito com mármore italiano, porém, devido às intempéries que frequentemente atingem a costa chinesa, este passo foi repensado, e a solução encontrada foi substituir o material por alumínio. Com isso, não apenas a casa de shows ficou mais segura, mas também com um design mais moderno e menos tempo na construção.

O uso do alumínio também facilitou outra atração que as conchas da Opera House proporcionam. Tudo o que se passa dentro do ambiente é transmitido na fachada da casa, através de projeções em LED. Com a estrutura de metal e revestimento de alumínio, o design ideal foi alcançado, e a construção de Us$ 160 milhões foi finalizada. Formando assim duas conchas, uma com 90 metros, que abriga 1.550 lugares, um auditório e um palco, com estrutura para grandes apresentações.

O segundo ambiente, com cerca de 60 metros de altura, abriga 500 pessoas e foi projetado para receber desfiles de moda e exposições de arte, por exemplo. Toda a instalação, que fica em cima de 57.680 metros quadrados de terra recuperada na beira-mar, também inclui um primeiro andar de uso misto com bares, restaurantes, lojas de varejo e galerias de arte.

Quando a Zhuhai Opera House foi lançada, Chen Keshi defendeu sua obra. “Quando o sol nasce, é muito bonito. Algumas cidades são ricas, mas não famosas, pois não são conhecidas por nada. Por que milhões de pessoas vão a Paris? É por causa da cultura, que é eterna. Estamos fazendo isso aqui.”

Assine nossa newsletter Receba as novidade da Revista Alumínio
Formulário de Newsletter